Naturalmente as crianças têm espírito de colaboração e se mostram participativas e solidárias para com as pessoas ao seu redor. Por isso, elas têm facilidade para o trabalho em equipe, sendo que cabe aos pais, cuidadores e educadores estimularem essa e outras habilidades.

Trata-se de um ponto importante porque, cada vez mais na atualidade, são valorizadas competências específicas, as quais ajudam a complementar aquelas pertencentes a outras pessoas. Ou seja, equipes são formadas para desenvolverem ações, estudos, projetos e trabalhos reunindo especialistas que se somam ao grupo, o que intensifica a importância dos relacionamentos interpessoais.

Em função dessa citada tendência nata, é muito fácil estimular nas crianças o trabalho em equipe. E para que você saiba como fazer isso, continue lendo este artigo e veja nossas dicas. Também, entenda a relevância dessa habilidade para o desenvolvimento infantil.

A importância do trabalho em equipe para a criança

Desde os tempos mais remotos, o trabalho em equipe é exercitado pelos seres humanos para garantir a sobrevivência da espécie. Cada qual contribuindo com suas habilidades, os integrantes do grupo se complementavam com foco em um bem comum.

Embora os objetivos tenham se modificado ao longo dos séculos, a intenção do trabalho em equipe continua sendo a mesma. Cada indivíduo manifesta seu conhecimento, experiências e potencial para somar aos demais e, juntos, chegarem a uma meta.

O mercado de trabalho, hoje, valoriza cada vez mais a comunicação, a relação interpessoal e a capacidade de trabalhar em equipe. Afinal, profissionais são formados com foco em uma área específica e se tornam especialistas. Assim, em uma equipe reunimos diversos experts e conseguimos alcançar resultados ainda melhores.

Por isso, saber trabalhar em equipe faz toda a diferença para a criança no futuro, inclusive, gerando impactos positivos para seu desenvolvimento. Isso porque aprimora competências que vão ajudar em seu aprendizado, e tudo isso será útil para ela amanhã.

Veja, a seguir, alguns fatores que mostram a importância do trabalho em equipe para as crianças.

Integração ao meio social

Trabalhando em equipe, a criança tem a oportunidade de estar em contato com outras da sua idade e, também, com pessoas de faixas etárias diferentes. Desse modo, ela desenvolve habilidades interpessoais, pois interage melhor em sociedade, aprendendo a ter uma boa convivência com os demais.

Respeito às diferenças

Em um grupo de pessoas encontramos pensamentos, culturas, crenças e costumes diferentes. Sendo assim, a criança convive com diferentes perfis e exercita o respeito às diferenças. A tolerância é estimulada e ela entende o valor de todos e a própria importância na sociedade.

Redução da timidez

Crianças mais tímidas e retraídas se beneficiam com o estímulo do trabalho em equipe porque têm a oportunidade de socializar e fazer amigos. Isso aumenta sua autoconfiança e a segurança para interagir com as pessoas.

Desenvolvimento da liderança

Trabalhar em equipe faz a criança desenvolver a liderança, pois ela ajuda nas tomadas de decisão. Quando tem esse talento nato, automaticamente se coloca à frente do grupo, organizando as tarefas e conduzindo as ações.

Estímulo da criatividade

Pelo contato com diferentes formas de pensar e culturas distintas, a criança também estimula a própria criatividade. Isso ocorre porque ela começa a agregar mais conhecimento e descobre outras formas de raciocinar, e tudo isso se soma às suas próprias experiências.

Aprimoramento da comunicação

Para fazer parte de um grupo é fundamental saber como expressar as suas ideias. Portanto, o trabalho em equipe ajuda a criança a desenvolver sua comunicação. Afinal, ela tem a necessidade de interagir com os outros, e isso somente é possível se souber como ordenar seus pensamentos e manifestá-los.

Sentimento de pertencimento a um grupo

Quando a criança trabalha em equipe, ela percebe que começa a fazer parte de um grupo. Não se sente mais sozinha ou isolada e vê que aquilo que faz é importante e ajuda a somar ao coletivo. É o ponto de partida para encontrar o próprio lugar na sociedade.

Estímulo à colaboração

Conforme explicamos, as crianças são naturalmente colaborativas, mas quando elas trabalham em equipe isso é aprimorado ainda mais. Como o resultado depende de todos, então, ela se torna ainda mais prestativa e solidária para que consiga, com seu grupo, alcançar o objetivo.

Desenvolvimento da escuta ativa

Além de expressar as próprias ideias e pensamentos, trabalhando em equipe a criança precisa aprender a escutar os colegas. Existe a necessidade de compreender o que os demais estão falando, por isso, a habilidade da escuta ativa é trabalhada, bem como a interpretação

Trabalho da empatia

Todas as pessoas têm facilidade para algumas atividades e dificuldade para outras. Trabalhando em equipe a criança perceberá que isso acontece com ela e também com seus colegas. Essa é uma excelente forma de desenvolver empatia, pois ela se coloca no lugar do outro e procura ajudar para que todos tenham sucesso.

Incentivo ao altruísmo

Ter atenção e reconhecimento é muito bom, porém, isso precisa acontecer na medida certa para que a criança não se torne egocêntrica e egoísta. O trabalho em equipe ajuda a evitar que isso aconteça porque incentiva o altruísmo. O pequeno percebe que não é ele quem está no centro das atenções, mas todo o grupo, e que o mérito é coletivo.

Desenvolvimento do senso crítico

Quando trabalhamos em equipe surgem muitas ideias, algumas são boas, outras nem tanto. Por isso, todo o time precisa pensar junto para encontrar as melhores soluções. Dessa forma, a criança aprende a fazer análises de forma crítica, refletindo sobre os caminhos necessários para alcançar o objetivo pretendido e se os meios encontrados realmente são viáveis.

Capacidade de resolver problemas

O pensamento crítico tem uma forte contribuição para que a criança aprenda a resolver problemas. Mas isso é ainda mais aprimorado porque ela tem contato com a forma de raciocinar de outras crianças. Cada um pensa de uma maneira e, quando escutamos a opinião dos demais, encontramos caminhos que ainda não havíamos percebido.

Dicas para incentivar o trabalho em equipe na infância

Para que a criança desenvolva uma competência, por mais que ela demonstre facilidades, é necessário receber os estímulos adequados. Dessa forma, sua habilidade progredirá do modo correto e de forma positiva para gerar benefícios em diversos aspectos de sua vida.

No caso do trabalho em equipe, existem diferentes técnicas que você pode aplicar para que seu filho consiga desenvolver essa competência. Veja a seguir algumas dicas do que fazer para ajudá-lo.

Estimule a contribuição nas tarefas em casa

Pequenas tarefas em casa podem ser cumpridas pela criança para que ela dê sua contribuição para a família. Ações como retirar a mesa, lavar ou guardar a louça, colocar o lixo para fora, carregar as compras e arrumar seu quarto são boas alternativas para que exercite o trabalho em equipe.

Algumas famílias procuram evitar que a criança faça esse tipo de tarefa, para que ela seja poupada e tenha mais tempo para aproveitar o que gosta. Quando fazemos isso, desestimulamos o aprendizado e a criança pode acreditar que não tem capacidade para ajudar. Ou seja, de nenhuma forma é bom para ela.

Incentive a participação em campanhas e ações voluntárias

Diversas ações e campanhas são desenvolvidas com intuito de contribuir para um bem coletivo. Esse é o caso da arrecadação de agasalhos, brinquedos e mantimentos. Incentive a criança a participar desses eventos mostrando para ela qual é o objetivo da ação.

Desse modo, perceberá que sua participação será somada a um grande resultado final. Ela entenderá que quando as pessoas atuam em conjunto conseguem alcançar grandes resultados, e o impacto disso é muito mais extenso e significativo.

Delegue responsabilidades úteis

O pequeno também pode ficar responsável por algumas tarefas importantes, como é o caso de, periodicamente, selecionar brinquedos para serem doados, separar materiais recicláveis ou cuidar do animal de estimação da casa.

Nunca é cedo para a criança começar a amadurecer e assumir algumas responsabilidades. Afinal, isso também acontecerá durante a sua vida escolar, então, o quanto antes começar a exercitar essa habilidade, melhor.

Peça ajuda mesmo que não precise

Faça a criança se sentir útil pedindo ajuda para ela em algumas tarefas, mesmo que você não precise. Dessa forma, ela trabalhará com você e perceberá que sua ação é importante e faz a diferença para finalizar algo.

Aliás, essa é uma excelente forma de você educar seu filho e ensinar a ele como desempenhar algumas tarefas do jeito certo. Assim, ele aprende sem cobranças e de uma forma mais agradável, inclusive, fortalecendo os laços entre vocês.

Promova momentos de interação com outras crianças

Para estimular o trabalho em equipe, é preciso que a criança interaja com outras. Então, promova esses momentos para que seu filho possa socializar e fazer parte de um grupo. Não é difícil, e no dia a dia, em algumas atividades simples, você pode proporcionar essas experiências para ele.

Por exemplo, pode levá-lo para brincar no parque, fazer gincanas, incentivá-lo a ler histórias para crianças mais novas ou ajudar outras com as tarefas da escola. Também, permita que ele receba a visita de colegas da escola ou amigos da vizinhança, para que tenha esse momento de interação.

Matricule a criança em aulas de tecnologia

Uma medida eficaz para estimular o trabalho em equipe nas crianças é o aprendizado de tecnologia. Aulas de programação e robótica, por exemplo, são ministradas com o intuito de estimular as crianças a interagiram e trabalharem em conjunto para atingir um objetivo específico.

Elas recebem o conhecimento e um desafio para que, juntas, encontrem uma solução que se mostre útil para resolver um problema. Desse modo, cada uma expõe seus conhecimentos, suas ideias e opiniões para ajudar o grupo.

As aulas de tecnologia, além de trabalharem esse aspecto, contribuem grandemente com o desenvolvimento e formação da criança. Afinal, as novas gerações nasceram em uma era tecnológica e precisam dominar esse conhecimento para que possam estar bem preparadas para o futuro.

Sendo assim, você pode incentivar o trabalho em equipe de diversas formas para que seu filho desenvolva essa habilidade. Mas ao matriculá-lo em aulas de tecnologia, além de alcançar esse objetivo, ainda favorece o aprimoramento do pequeno e estimula muitas outras competências. Por isso, é uma excelente alternativa para ajudá-lo.

O aprendizado de tecnologia pode contribuir de diferentes formas com desenvolvimento da criança.  Descubra outros aspectos positivos desse conhecimento para ela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *